A diversificação dos serviços de streaming de filmes e séries já não é novidade, mas agora as grandes concorrentes da Netflix começam finalmente a ser lançadas. Além da Prime Video, plataforma da Amazon que já está disponível, Disney+ e AppleTV+ já estão em contagem regressiva para o lançamento, todas com catálogos recheados de produções originais e títulos de sucesso.

Prime Video

A plataforma da Amazon já está disponível inclusive no Brasil com um diferencial – o preço baixo. Inicialmente disponibilizando uma assinatura no valor de R$ 14,90 mensais, o serviço passou a oferecer o acesso ao conteúdo de filmes e séries (além do Prime Music, Prime Reading e Twitch Prime) por R$ 9,90 por mês, atualizando o valor para quem já era assinante.

No catálogo da Prime Video é possível encontrar produções que caíram no gosto do público como The Boys (que já ganhou uma segunda temporada confirmada), The Office, Parks and Recreation, Deuses Americanos e as indicadas ao Emmy 2019 de melhor série cômica Fleabag e The Marvelous Mrs. Maisel. Para o futuro, a plataforma será a casa da série derivada da obra O Senhor dos Anéis, ainda sem data de estreia.

AppleTV+

A Apple anunciou para 1º de novembro o lançamento oficial de sua tão aguardada plataforma de streaming, incluindo no Brasil, onde a assinatura custará R$ 9,90 por mês e até seis pessoas poderão acessar a mesma conta.

O conteúdo do catálogo da AppleTV+ tem grandes nomes do cinema em uma série de produções originais. Entre eles, dois nomes de peso do entretenimento terão atrações exclusivas – o aclamado diretor de cinema Steven Spielberg, que comandará a ficção científica Amazing Stories, e Oprah, que anunciou dois projetos, um focado em ambientes de trabalho tóxicos e outro com foco em saúde mental. Além disso, o lançamento já terá a estreia da série The Morning Show, com Steve Carell, Reese Witherspoon e Jennifer Aniston e See, com Jason Mamoa.

Disney+

Com seu catálogo repleto de sucessos o Disney+ deve chegar ao Brasil apenas no segundo semestre de 2020, enquanto nos Estados Unidos o lançamento já tem data – 12 de novembro. A assinatura do serviço por lá foi anunciada a US$ 6,99 por mês e ainda não se sabe quanto custará por aqui.

O assinante do Disney+terá acesso a um conteúdo amplo que inclui, além das próprias animações da Disney, produções da Pixar, Marvel, Star Wars, National Geographic, além do recém adquirido catálogo da Fox. Falando na Marvel, o Disney+ será palco de títulos que devem impactar diretamente no MCU (Marvel Cinema Universe), cuja fase 4 será iniciada após a conclusão do último ciclo de filmes com Vingadores:Ultimato. Séries como Loki, WandaVision, Falcão e o Soldado Invernal, Gavião Arqueiro, Ms. Marvel, She-Hulk, Cavaleiro da Lua e a animação What If…? já foram anunciadas (algumas já estão em produção) e devem trazer o público cativo da Marvel para o Disney+.

Custo

Com tanto serviço disponível no mercado e o custo das assinaturas no país o consumidor brasileiro vai ter que botar a mão no bolso se quiser ter acesso a todo o conteúdo. Por mais que a Netflix invista em novas temporadas de grandes sucessos (como Stranger Things e La Casa de Papel) ou outros lançamentos originais, o preço salgado da assinatura da plataforma pode espantar a clientela para a concorrência. Atualmente, a assinatura da Netflix varia entre R$ 21,90 e R$ 45,90.

Por Camila Mitye
Equipe Zap